Álcool : relaxante ou depressor?

Falar em álcool, vício e os malefícios dessa substância é chover no molhado, chega até ser chato, já que somos metralhados de informações acerca do assunto, mas meu propósito com esse texto será tentar explicar um pouquinho mais dos EFEITOS DO ÁLCOOL enquanto substância psicoativa que atua no sistema nervoso central (SNC) alterando humor e suas percepções no cérebro.

É muito comum vermos o álcool sendo usado como uma “ferramenta, um acessório”…o famoso facilitador da interação social em esquentas, jantares e baladas.

Pois bem, o álcool é classificado como uma droga psicoativa e tem ação depressora no cérebro, atuando mais precisamente no sistema nervoso central ( SNC ).

Aí você vem e me pergunta: Como assim, se toda vez que eu tomo minha cervejinha eu fico mais soltinho, alegre, as palavras parecem fluir melhor, me torno mais comunicativo…não é possível ( um depressor) ?!

Caaaaaalma, que eu já vou explicar tudo com detalhes.

O que é uma substância depressora no teu cérebro ? Por que o álcool vem a ser um depressor ?

Então vamos lá…deixa eu tentar facilitar o assunto. Porque ele é considerado uma droga psicoativa que afeta o humor e percepção do indivíduo , agindo diretamente no sistema nervoso central (SNC).

O álcool acaba inibindo e retardando algumas funções do (SNC) que de certa forma traz a sensação de relaxamento de corpo e mente por sua vez.

Se acaaaaalme com suas conclusões meu nobre, não estou dizendo que o álcool é um relaxante maravilhoso e deve-se fazer o uso indiscriminado ou algo do gênero, leia-se bem, apenas levantei os efeitos do danado no corpo. ,pois num primeiro momento, ele relaxa. No segundo traz euforia, mas quando há o excesso vem o problema. O terceiro momento geralmente é acompanhado de ressaca moral e depressão.

Porque o álcool se encaixa como um depressor?

O álcool entra no pacote dos depressores porque acaba diminuindo as atividades cerebrais. Por mais que eu costume ouvir no consultório ou até mesmo em rodas de amigos, sobre os efeitos do álcool serem superficiais em suas vidas quando ingeridos de forma “responsável” é inegável que ele altera a percepção do indivíduo, pois acontece uma espécie de bloqueio das mensagens dos receptores neurais com o cérebro. Interferindo diretamente em nossas habilidades cognitivas básicas, como: lembrar, aprender, pensar.

Cá entre nós, quando tem “cachaça” no meio tudo fica mais difícil né ?! Quantas vezes você já se pegou esquecendo o nome da mulher que está paquerando na festa, ou que deu aqueeeeela desequilibrada e quase caiu pra frente enquanto falava, sem contar a parte da coordenação , raciocínio lógico e tantos outros exemplos que eu poderia citar…Vai tentar me enganar que não acontece contigo?!

É óbvio que fica muito complicado lutar contra os malefícios do álcool no SNC e toda alteração na produção dos níveis de neurotransmissores que ele causa, pois de contrapartida o indivíduo muitas vezes tem a sensação de alívio da ansiedade, relaxamento e uma socialização maior que o reforçam na balança dos PRÓS X CONTRAS. Siiiiim é uma faca de dois gumes, não sejamos hipócritas.

Além dos problemas físicos ( cérebro , fígado, rim… ) já constatados é preciso ressaltar quão destrutivo o álcool pode ser em sua VIDA. Discussões intermináveis com familiares e pessoas que o rodeiam, agressividade exacerbada, intolerância desproporcional as situações, desinteresse com o cotidiano e antigos prazeres, momentos de angústia prolongados, problemas com sono, preguiça e sensação de ter que carregar um fardo para qualquer atividade que precise de empenho…dentre tantas outras coisas que o drink atrapalha no dia a dia.

Definitivamente não é brincadeira de criança. O álcool é considerado a droga mais nociva do mundo e, por isso devemos estar alertas ao seu uso abusivo.

Se você está precisando de ajuda ou conhece alguém sofrendo com os malefícios do álcool não deixe de procurar um psicólogo, ter um profissional capacitado junto a você já será um grande passo.

Bueno Jr.

Voltar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *